segunda-feira, 22 de dezembro de 2014

CAOS NO GOVERNO DO ESTADO: UTI do Heda ficará sem receber pacientes a partir de hoje(22)

A Unidade de Terapia Intensiva do Hospital Estadual Dirceu Arcoverde, em Parnaíba não receberá pacientes a partir desta segunda-feira. O motivo foi descrito em um comunicado afixado pela coordenação médica da unidade na porta de entrada da UTI. O anúncio foi destinado ao Ministério Público e entidades médicas.
Segundo consta o escrito, a grande insatisfação vem dos médicos que trabalham na UTI adulto por conta de equipamentos danificados, como é o caso de três monitores multiparamétricos, que não estão indicando os sinais vitais dos pacientes; defeitos de dois leitos; ausência de exames complementares essenciais e de uso diário na maioria dos pacientes internados, tais como, culturas de sangue e demais secreções, gasometriais e tomografia, dentre outros; ausência de alguns medicamentos.

Dentre outros problemas graves com relação à unidade, está a ausência de regularização/ contratação e concurso de médicos, já que os que trabalham até o momento não recebem direitos trabalhistas. Além disso, há o não pagamento dos plantões referentes aos meses de outubro e novembro dos médicos colaboradores.

Diante destes acontecimentos, os médicos não concursados decidiram pelo afastamento temporário até que a Secretaria Estadual de Saúde tome as devidas providências para qualificar as ações de saúde prestadas à população.

Ainda no comunicado, há um trecho que afirma que não há escala de trabalho no mês de dezembro na UTI do Heda, Os médicos vinham colaborando através de convite verbal até o último domingo (21/12). Nesta Unidade de Terapia Intensiva há apenas dois médicos concursados o que impossibilita a entrada de mais pacientes.
Até a publicação desta reportagem, foi informado para a equipe do Proparnaiba.com que a a UTI adulto do Heda se encontrava sem médico já que não há escala médica.
 
Texto e foto:Tacyane Machado/Proparnaiba.com