segunda-feira, 29 de fevereiro de 2016

Secretário de Saúde se reúne com ministro

Em reunião realizada na manhã deste domingo (28),  o secretário de Estado da Saúde, Francisco Costa; o ministro da Saúde, Marcelo Castro, juntamente com, o secretário municipal de Teresina, Aderivaldo Andrade, e superintendente do Hospital Universitário (HU), Miguel Parente, acertaram os últimos detalhes para implantação do serviço de urgência e emergência cardiovascular.
O ministro explica que a oferta de mais um serviço na unidade, além de ampliar a capacidade resolutiva visa ainda dar condições para a melhoria na qualidade dos serviço. "Para dar continuidade e fortalecer o HU e que precisa de um apoio para aumentar sua capacidade. O que a gente visa para o HU? Implantação da oncologia, para descentralizar o serviço no Piauí e implantar urgência e emergência cardiovascular".
Um cronograma foi elaborado para que um grupo de trabalho organize o fluxograma de atendimento aos pacientes cardíacos. A discussão já se inicia nesta segunda-feira (29). "Vamos iniciar de forma mais rápida o funcionamento de uma unidade coronariana, aos pacientes com dor torácica e enfarto, para que tenhamos a garantia de implantação, em urgência, de cateterismo e marca-passo, assim como cirurgia cardíaca, poder ampliar a oferta que já acontece no HU", declarou.
De acordo com Costa, a expectativa é que o Ministério da Saúde autorize de imediato a implantação do serviço. 
Outro serviço que em breve deve ser iniciado no HU é a Unidade de Alta Complexidade em Oncologia (Unacon),  que será ofertado pelo Sistema Único de Saúde (SUS).  Com o credenciamento do serviço, os governos Federal e Estadual descentralizam o serviço, ampliando os cuidados aos pacientes com câncer.
Em Parnaíba também deverá iniciar ainda neste primeiro semestre o atendimento a pacientes com câncer, com capacidade em atender os municípios que integram a Planície Litorânea.
ccom