terça-feira, 21 de março de 2017

Violência contra mulher já pode ser denunciada com ajuda de aplicativo

Imagem: ReproduçãoA parceria entre a Agência de Tecnologia da Informação-ATI e a Secretaria de Segurança Pública do Estado resultou no lançamento do aplicativo Salve Maria pelo Governo do Piauí. A ferramenta foi desenvolvida para combater e denunciar a violência contra mulheres e crianças de modo rápido e sigiloso através de qualquer smartphone (celular). O evento aconteceu nesta segunda-feira (20), no Salão Azul do Palácio de Karnak.
A denúncia pode ser feita em duas modalidades através do Salve Maria, sendo o botão do pânico a mais imediata. O botão deve ser usado no ato em que se percebe ou acontece qualquer agressão contra a mulher. Ao ser apertado, o aplicativo emite um chamado com georreferenciamento (localização geográfica) para a delegacia mais próxima da ocorrência e o policial que receber o aviso, aciona uma viatura para o caso.
O governador Wellington Dias informou que 50 pessoas já haviam baixado e instalado o aplicativo durante a solenidade de lançamento. “Esse é um passo gigante para mulheres e para os homens, sabemos que a tecnologia ajuda a alcançar objetivos e a importância desse aplicativo é que vai nos permitir salvar vidas”, disse.
Na segunda modalidade de denúncia do aplicativo, o usuário pode inserir texto, fotos, áudios e vídeos dos casos de agressão, facilitando a instauração de inquéritos e abertura de processos investigativos contra o acusado. “Essa iniciativa de uso da tecnologia no combate à violência contra a mulher é mais uma prova de que quando dois órgãos públicos se unem para trabalhar em benefício da sociedade isso traz resultados. Então a ATI está sempre de portas abertas para receber a Secretaria de Segurança e assim podermos desenvolver outras iniciativas”, falou Avelyno Medeiros, diretor-geral da ATI, presente à solenidade.
A vice-governadora Margarete Coelho, em sua fala, mostrou admiração pelo trabalho da equipe técnica da ATI no desenvolvimento da ferramenta. “Esse é um aplicativo inovador, revolucionário e pode fazer com que várias vidas sejam salvas, por isso quero agradecer a generosidade e disponibilidade da Agência de Tecnologia sempre avançando nas propostas que lhes são apresentadas”, comentou.
O secretário de Segurança Fábio Abreu parabenizou a parceria com a ATI e a integração entre as Polícias Civil e Militar para efetivação e operacionalização do Salve Maria. A delegada Eugênia Villa, diretora de Gestão Interna da SSP-PI, fez a apresentação do aplicativo. “Na Secretaria de Segurança temos um Núcleo de Estudo e Pesquisa de Violência de Gênero, através do qual notamos que as mulheres assassinadas no Piauí estavam sendo mortas em casa, os maiores números eram registrados na madrugada de domingo para segunda e nenhuma das vítimas haviam denunciado qualquer agressão antes, com isso nossa meta é salvaguardar a vida das mulheres e reduzir os índices de violência e feminicídio”, esclareceu.
Também estiveram presentes ao lançamento a senadora Regina Sousa, as delegadas Vilma Alves e Anamelka Cadena, Eduarda Miranda representando a OAB-PI, o delegado-geral Riedel Batista e o coronel Carlos Augusto da Polícia Militar.
Download
O aplicativo está disponível para download na loja virtual do Governo do Piauí que fica no Google Play ou Play Store, a depender do celular. Ao acessar a loja virtual, basta fazer uma busca com o nome Salve Maria, iniciar o download e fazer um cadastro com o número do cpf, seguindo política de privacidade e segurança adotada pela Agência de Tecnologia.
Fonte: Com informações da Ccom