segunda-feira, 24 de julho de 2017

Eleição: R$ 2,5 bilhões serão gastos com a impressão de voto, diz jornal

Estado de São Paulo divulgou dados de projeção feita pelo Tribunal Superior Eleitoral, apontando que nos próximo dez anos cerca de R$ 2,5 bilhões sejam gastos com a impressão de votos nas urnas eletrônicas de todo o País.
A aposta do TSE é de que o novo sistema vai provocar transtornos durante a votação, aumentando o tempo de espera do eleitor na fila e maior possibilidade de defeito nos equipamentos.
O voto impresso foi aprovado na minirreforma eleitoral sancionada pela ex-presidente Dilma Rousseff.
Já em 2018, 35 mil urnas neste novo modelo serão usadas.
180graus