quinta-feira, 19 de abril de 2018

W.Dias pede a Ministro o reconhecimento de estado de emergência

O governador Wellington Dias e o senador Ciro Nogueira participaram, nessa terça- feira (17), em Brasília, de audiência com o ministro da Integração Nacional, Antônio de Pádua de Deus Andrade.
Na oportunidade, o chefe do Executivo estadual protocolou o pedido de decretação de estado de emergência do Piauí devido às cheias, em decorrência das fortes chuvas, que atingiram famílias, e para que sejam tomadas as providências para recuperação da ponte que liga os municípios de Batalha e Esperantina, na BR 222, que foi danificada, interrompendo o tráfego, isolando os municípios da capital e, consequentemente, afetando mais de 110 mil moradores da região.

De acordo com Dias, o ministro tem se mostrado bastante preocupado com a situação é demonstrado os esforços para com a região. Na oportunidade, ele reforçou o compromisso de encaminhar kits de ajuda para os moradores afastados pelas enchentes. "O ministro é muito prático e cuidou de priorizar o atendimento humanitário e já, tecnicamente, tratar sobre as ações necessárias", comentou o governador.
Wellington disse que o estado é de alerta e que os municípios e os órgãos estaduais estão unidos para as ações emergenciais. “Barragens como a do Bezerro, em José de Freitas; Barragem do Emparedado, em Campo Maior; Barragem de Pedra Redonda, em Conceição do Canindé; e Pedro Portela, em São Raimundo Nonato; diques em Campo Maior e Uruçuí, Parnaíba; assim como a necessidade de cuidar sobre os danos em habitações e estradas municipais e estaduais serão tratadas como emergência, assim como fazer o atendimento humanitário das pessoas afetadas com as fortes chuvas e as cheias dos rios”, enfatizou Dias.
meionorte