trilha

sexta-feira, 31 de agosto de 2018

Piauí é o segundo do Nordeste no ensino fundamental, aponta Saeb

Image title
Os resultados do Sistema de Avaliação da Educação Básica (Saeb) 2017 foram divulgados nesta quinta-feira (30), pelo Ministério da Educação. O Saeb é a mais importante avaliação brasileira. Ele mede a aprendizagem dos alunos do 5º ano e 9º ano do Ensino Fundamental e da 3ª série do Ensino Médio, desde 1995, nas escolas públicas.
Nesta edição, o Piauí foi destaque por conseguir acelerar o aprendizado e ficar entre os estados com o maior ganho de aprendizagem, sendo o segundo estado com melhor desempenho no ensino fundamental nas disciplinas de português, ficando com as médias de 204,15, em matemática e 193,92 em português, no 5º ano e 244,35 e 244,04, respectivamente no 9º ano. No somatório geral, o estado fica atrás somente do Ceará.
Ellen Gera, diretor da Unidade de Ensino e Aprendizagem (Unea), da Secretaria de Estado da Educação (Seduc), avaliou como positiva a situação do estado. “O caso do Piauí é consistente. Em todas as etapas avaliadas o estado ficou como destaque entre os que tiveram maiores ganhos”, analisa.
O diretor considera que parcerias importantes como as executadas com a Fundação Lemann e Instituto Unibanco,  ajudam a agregar valor para a gestão escolar, contribuem para o avanço da aprendizagem. Bem como o programa Pacto pela Aprendizagem, que tem um objetivo muito claro de trabalhar o avanço da proficiência dos alunos.
“Trabalhamos com ações específicas como o Mais Aprendizagem, que tem dentro do seu pacote de trabalho a aceleração de aprendizagem em Português, que estamos lançando em 2018, e o Mais Matemática, que desde 2017 já está implementado na rede”, diz Hélder Jacobina, secretário da Educação.
“Esse é um programa de aceleração, de fato, na aprendizagem. Aumentamos a carga horária do 5º ano e 9º ano do Ensino Fundamental e, no Ensino Médio, colocamos as horas/aula de oficina destinadas a esse processo de aceleração de aprendizagem em matemática e português. Essas e outras ações que temos realizado em toda a rede, proporcionaram que o Piauí seja destaque no ganho de aprendizagem entre o Saeb de 2015 e 2017”, afirma Jacobina.
Em coletiva de impressa realizada durante a divulgação dos dados, o ministro da Educação, Rossieli Soares, enfatizou o crescimento do Piauí e mais cinco estados.  “Seis estados conseguiram agregar mais pontos de proficiência média em ambos os componentes e em todas as etapas avaliadas: AC, AL, CE, GO, PI e TO”, pontuou.
Ensino médio tem quarto melhor desempenho
No panorama do ensino médio, o Piauí teve o quarto melhor desempenho do Nordeste em matemática, ficando com média de 249,08, estando a frente de estados como Alagoas, Bahia e Paraíba. Vale ressaltar que recentemente, as escolas públicas do Piauí, conquistaram 99 medalhas na Olimpíada Brasileira de Matemática das Escolas Públicas - OBMEP. Só de Ouro, foram 14 medalhas, perdendo apenas para Pernambuco, na região Nordeste.
Em português, os estudantes alcançaram, em média, 246,3 pontos. Os resultados são do Saeb, aplicado em 2017 aos estudantes do último ano do ensino médio. Pela primeira vez a avaliação foi oferecida a todos os estudantes das escolas públicas e não apenas a um grupo de escolas, como era feito até então. Cerca de 70% dos estudantes participaram das provas. 
(W.B)

Justiça determina retirada do ar de postagem de Luciano contra Wellington

 Imprimir
O juiz eleitoral auxiliar Geraldo Magela determinou que o candidato ao governo, Luciano Nunes (PSDB), da coligação "Piauí de Verdade",  retire do ar publicações no Instagram contra o candidato Wellington Dias (PT), da coligação “A vitória com a força do povo”.
Segundo o magistrado, a imagem publicada contra Wellington Dias ataca a imagem e honra do candidato petista, pois induz o internauta a entender que o atual governador é “governante da mentira”. A peça publicitária coloca Wellington Dias ao lado de um gráfico que mostra seus índices de preferência de votos junto com o texto “O Piauí cansou e quer mudanças”. 
Na mesma imagem, é mostrado o texto “as pesquisas mostram que o povo do Piauí cansou de tantas promessas e deseja um Governador de Verdade! Vamos juntos continuar a nossa jornada para construir um Piauí melhor. #Luciano4545...” Geraldo Magela ressaltou que Luciano Nunes infringiu o artigo 22, §1º da Resolução TSE nº 23.551/2017, que diz. 
“A livre manifestação do pensamento do eleitor identificado ou identificável na internet somente é passível de limitação quando ocorrer ofensa à honra de terceiros ou divulgação de fatos sabidamente inverídicos”.
O magistrado deu um prazo de 24 horas para Luciano Nunes retirar a postagem, sob pena de pagar multa de R$ 1 mil por dia.

redacao@cidadeverde.com

quinta-feira, 30 de agosto de 2018

Veja quanto os candidatos ao Senado já receberam do fundo eleitoral no Piauí


Candidatos ao SenadoWilson Martins foi o que mais recebeu repasse até o momento. O socialista já recebeu R$ 1.601.500,00.

Quatro dos 18 candidatos a senadores já começaram a receber repasses do Fundo Especial de Financiamento de Campanha (FEFC). Os dados estão disponíveis no site do Tribunal Superior Eleitoral (TSE). Já receberam os recursos Marcelo Castro (MDB), Wilson Martins (PSB), Robert Rios (DEM) e Ciro Nogueira (Progressistas). Os dois primeiros candidatos da oposição e os outros da chapa governista.

Wilson Martins foi o que mais recebeu repasse até o momento. O socialista já recebeu R$ 1.601.500,00. Em seguida vem Marcelo Castro que recebeu R$ 1.510.000,00.

Já o candidato Ciro Nogueira, que vai tentar a reeleição, obteve R$ 1.120.152,00 do Fundo Especial de Financiamento de Campanha. Robert foi o que menos recebeu do FEFC, no total foi R$ 350 mil. Os demais candidatos ainda não receberam recursos. Cada candidato a senador tem o limite de gastos de R$ 3 milhões na campanha eleitoral.

Fundo Especial de Financiamento de Campanha

Para driblar o fim das doações de empresas para campanhas eleitorais – vetadas pelo Supremo Tribunal Federal desde 2015 -, o Congresso Nacional aprovou em 2017 a criação do Fundo Especial de Financiamento de Campanha (FEFC). Mais conhecido como fundo eleitoral, ele distribuirá mais de R$ 1,7 bilhão, provenientes de recursos públicos, para os partidos brasileiros promoverem suas campanhas nas eleições 2018.
Os candidatos também terão direito de usar recursos do fundo partidário. A utilização foi liberada pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE) em fevereiro deste ano.

GP1

TSE deve julgar na sexta-feira registro de candidatura de Lula


Fernando Haddad e Lula
O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) deverá fazer uma sessão extraordinária na próxima sexta-feira (31), segundo o Broadcast Político apurou com dois integrantes do tribunal.

A sessão extraordinária de sexta-feira ocorrerá um dia depois do prazo final para o envio ao TSE da defesa do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT), preso e condenado no âmbito da Operação Lava Jato. O pedido do registro do petista é alvo de 16 contestações no tribunal, entre elas a impugnação formulada pelo Partido Novo.

Nesta quarta-feira (29), o Novo reforçou ao TSE o pedido para barrar a participação de Lula no horário eleitoral do rádio e da televisão. As peças de publicidade dos presidenciáveis no horário eleitoral serão veiculadas às terças, quintas e sábados, começando no próximo sábado (1).

Em tese, o ministro Luís Roberto Barroso, relator do caso de Lula, pode levar para julgamento na sexta-feira tanto o registro de Lula quanto o pedido para barrar o ex-presidente do horário eleitoral.

Na avaliação de um ministro do TSE ouvido reservadamente pela reportagem, o ideal seria que, mesmo sem a conclusão da tramitação do processo de registro, Barroso decidisse até esta sexta-feira sobre a participação de Lula no horário eleitoral.

Até a publicação deste texto, ainda não havia sido feita uma convocação oficial para a sessão extraordinária de sexta-feira, cuja pauta ainda será definida. As sessões do TSE ocorrem às terças e quintas-feiras.

O objetivo principal da ofensiva jurídica do Partido dos Trabalhadores é garantir a presença do petista no horário eleitoral gratuito.

Estadão

DATA AZ: Wilson Martins se destaca em 1º na corrida pelo Senado; Ciro é o segundo

Na primeira pesquisa do Instituto Data AZ em todo o Estado, após homologados os nomes de candidatos a senador, o ex-governador Wilson Martins (PSB) aparece distanciado dos demais concorrentes, liderando com 25,36%, mais de dez pontos percentuais à frente do segundo colocado, o senador Ciro Nogueira (Progressistas), que tem 14,48% das intenções de voto na sondagem estimulada.
O terceiro colocado, mas tecnicamente empatado com Ciro, é o cantor Frank Aguiar (PRB), que tem 13,20% das intenções de voto. Aguiar teve seu nome liminarmente  impugnado pela Justiça Eleitoral, mas está recorrendo da decisão.
Robert Rios (DEM), com 10,08% das intenções de voto é o quarto colocado. Se considerada a margem de erro da pesquisa, de 2,77% para mais ou para menos, ele está empatado estatisticamente com Marcelo Castro (MDB), quinto colocado, que tem 9,28% das intenções de voto.
Pesquisa Estimulada para o Senado (reprodução: Data AZ)
Pontuaram também na pesquisa com índice acima de um ponto percentual os candidatos Quem Quem (Avante), com 2,64% e Antônio José Lira (PSL), com 1,44%.
Outros candidatos ficaram com menos de um por cento das intenções de voto, enquanto eleitores indecisos somaram 81,52%, e brancos e nulos chegam a 36,96%.
Destaque-se que os percentuais de intenções de voto, mais brancos, nulos e indecisos somam 200% em razão de o eleitor ter direito a escolher dois candidatos a senador.

PESQUISA ESPONTÂNEA

Na pesquisa espontânea, também estão em primeiro e segundo lugar o ex-governador Wilson Martins e o senador Ciro Nogueira.
Pesquisa Espontânea para Senado (reprodução: Data AZ)
Martins aparece com 8,72% das intenções de voto, enquanto Ciro tem 4,80%. Frank Aguiar aparece em terceiro, com 2,96%, um pouco acima de Marcelo Castro, com 2,72% e Robert Rios 2.40%.
Nenhum outro nome reuniu mais que um ponto percentual em intenções de voto na sondagem espontânea, que aponta para 148,80% de indecisos e 28,40% de nulos e brancos.
Também neste caso, a soma das intenções de votos, indecisos, nulos e brancos é de 200% porque o eleitor vai votar duas vezes para senador.

Ciro tem maior certeza de voto entre candidatos com mais intenções de voto

Entre os cinco candidatos com melhor performance nas intenções de voto para senador, Ciro Nogueira é o que tem a maior certeza de voto: 58,01% dos eleitores do Progressista não trocariam seu candidato por outro.
Os eleitores que Ciro que mudariam de candidatos somam 41,44%, com 0,55% de indecisos.
Marcelo Castro é o segundo em certeza de voto entre os candidatos melhor situados na pesquisa, com 51,72% dos seus eleitores não admitindo mudar de candidato, com 47,41% podendo votar em outro nome.
Somam 49,09% os eleitores de Wilson Martins que não mudariam de candidato, contra 47,95% que admitem trocá-lo por outro nome, havendo 2,21% de indecisos.
O percentual da certeza de voto em Frank Aguiar é de 49,09%, o mesmo de Wilson Martins, com 48,48% admitindo mudança de candidato e 2,42% de indecisos.
A certeza do voto no eleitor de Robert Rios é de 50%, com 46,03% admitindo mudar de candidato.

CERTEZA ABSOLUTA

Se entre os candidatos melhor situados chega-se a ter metade dos eleitores admitindo trocar de candidato, há uma certeza absoluta de voto em candidatos com baixo desempenho na pesquisa: 100% dos eleitores que declararam votos em, Genival Oliveira (PSC), Gervásio Santos (PSTU) e Fausto Ripardo (PCB) não trocam seus candidatos.
Mas detalhe: na pesquisa somente um eleitor declarou votos em favor deles, ou que significa que se optasse por mudar de voto haveria neles uma incerteza total.

FICHA TÉCNICA DA PESQUISA

Total de entrevistas: 1.250.
Municípios pesquisados: 65 nos 12 territórios de desenvolvimento.
Margem de erro da pesquisa: 2,77% para mais ou para menos
Nível de confiança: 95%.
Data de realização: 24 a 27 de agostos de 2018.
Realizador e contratante: Instituto Data AZ
Registro na Justiça Eleitoral: PI01161/2018

Marcelo Castro destaca importância de recursos para municípios do interior

O deputado federal, Marcelo Castro (MDB), candidato ao Senado  afirma que no Senado pretende articular recursos para grandes obras para o Piauí. Ele destacou obras como a esperada sonhada ligação entre São Raimundo e Avelino Lopes, na fronteira com a Bahia (BR-020).
Ele destacou recursos para o município de São Raimundo Nonato, região Sul do Estado. “Vamos dar continuidade ao processo de descentralização da saúde que iniciei como ministro. Assim como fizemos com Parnaíba, vamos dotar São Raimundo, e outros pólos regionais, com mais recursos, possibilitando a ampliação dos serviços oferecidos à população, reduzindo a sobrecarga da rede de Teresina e atendendo o cidadão mais perto de casa”, declarou. 
Marcelo assegura que como deputado tem assegurado recursos importantes para os municípios do Estado. Marcelo também assegurou, junto ao Ministério dos Esportes, recursos no valor de R$ 1,2 milhão para a construção do estádio municipal, além de R$ 1,2 milhão para a construção de três quadras cobertas (R$ 400 mil cada). 
“Ao longo de minha vida pública, sempre dei especial atenção à minha terra, à região de São Raimundo Nonato. A barragem, por exemplo, foi um pleito defendido arduamente por mim, assim como a adutora, uma obra de R$ 14 milhões, com 233 km de extensão, que irá mudar a vida de nossa gente. A água vai chegar com qualidade às torneiras. Isso é dignidade”, comentou.
Lídia Brito
lidiabritosl@gmail.com

quarta-feira, 29 de agosto de 2018

Justiça manda Prefeitura de Parnaíba retirar propaganda de Luciano do Facebook

O desembargador Pedro de Alcântara da Silva Macedo, juiz auxiliar da propaganda eleitoral no Piauí, determinou que, em 24 horas, a Prefeitura de Parnaíba retire a propaganda do candidato Luciano Nunes do perfil da Coordenação de Atenção Básica de Parnaíba no Facebook. 
A decisão atende a uma ação impetrada pela coligação “A vitória com a força do povo”, que denunciou a Prefeitura de Parnaíba por estar usando a logomarca eleitoral do candidato Luciano Nunes ao Governo do Estado, no lugar da foto oficial do perfil da Coordenação de Atenção Básica de Parnaíba no Facebook. 
Luciano Nunes tem como candidata a vice-governadora em sua chapa Cassandra Moraes Sousa (DEM), filha do prefeito de Parnaíba, Mão Santa (SD). Caso descumpram a decisão, Luciano e Mão Santa serão multados em R$ 50 mil cada um.
Pedro de Alcântara se fundamentou no art. 300 do CPC, art. 73, parágrafo quarto (Lei das eleições), segundo o qual afirma ser conduta vedada os agentes públicos, em campanha eleitoral, usar materiais ou serviços custeados pelos Governos a apoiar candidatos. No caso, a Coordenação de Atenção Básica de Parnaíba faz parte da estrutura administrativa do Município.
redacao@cidadeverde.com

Prefeito Mão Santa exonera diretor de escola e pais de alunos protestam

Um grupo de moradores do Bairro Tabuleiro, em Parnaíba, reuniu-se na manhã desta quarta-feira (29/08) em frente a Escola Municipal Benedito Silvestre de Lima para protestar contra a saída de um educador identificado como “João Marcelo” da direção da escola. O fato não teria sido comunidade à comunidade e revoltou os pais e responsáveis por alunos da unidade de ensino.

“Sou mãe de crianças nessa escola há mais de 6 anos, o que eu vejo é que cada dia que passa é melhor o trabalho desse diretor, não sei quem é o responsável por esse troca troca. Por mim, nem os professores saíriam, pois no início desse ano entrou uma boa equipe diretor e professores e no meio do ano trocaram os professores eu não sei o que que esse povo que fala em investir na educação e quando ele sabe qua em uma escola está tendo Educação de qualidade eles ficam no troca-troca atrapalhando assim nossas crianças”, relatou uma das manifestantes.
A comunidade espera que as providências sejam tomadas pela Secretaria Municipal de Educação. Durante o protesto, avisaram que não deixam outro profissional substituir o que já prestava serviço na escola.

Por Tacyane Machado – Blog Extra Parnaíba

Data AZ: Wellington Dias com 36,96% e Dr. Pessoa com 18,16%

O Instituto Data AZ, em sua primeira pesquisa realizada para governador após o registro das candidaturas, captou uma tendência de segundo turno, configurada em empate técnico entre as intenções de votos do candidato Wellington Dias (36,96%) em sondagem estimulada e a soma das intenções de votos dos demais postulantes, que chega a 35,36%.
Wellington Dias, Dr. Pessoa, Luciano Nunes e Elmano Férrer (reprodução: Data AZ)
Com a margem de erro da pesquisa em 2,77%, a diferença entre Wellington e os demais competidores, de 1,60% permite apontar uma possibilidade de a eleição ser decidida na segunda rodada.
O nome melhor situado na pesquisa estimulada, depois do governador Wellington Dias, é o deputado estadual Dr. Pessoa (Solidariedade). Ele aparece com 18,16% das intenções de voto, seguido pelo tucano Luciano Nunes (8,40%), Elmano Férrer, (Podemos), com 4,80% e Valter Alencar, com 1,68%.
Pesquisa Estimulada para Governador (reprodução: Data AZ)
Outros nomes são citados com menos de um ponto percentual: Luciane Santos (0,80%), professora Sueli (0,48%), Fabio Servo (0,40%), Maria de Lourdes Melo (0,40%) e Romualdo Sena (0,24%).
Os eleitores indecisos somam 14,24% e os que declaram votar em branco e nulo chega m a 13,44%, o que faz com que sejam 27,68% os eleitores sem um candidato a governador.

O governador lidera com folga na pesquisa espontânea

Se a pesquisa estimulada aponta uma tendência de segundo turno, na sondagem espontânea o governador Wellington Dias tem a seu favor uma enorme vantagem sobre os adversários, com 27,20% das intenções de votos.  
Pesquisa Espontânea para Governador (reprodução: Data AZ)
O petista tem mais que o dobro das intenções de votos dos adversários, que somam 13,92%, sendo o melhor colocado o deputado Dr. Pessoa, com 6,40%, seguido por Luciano Nunes, com 5,12%, Elmano Férrer (1,68%), Fabio Servo e Professora  Sueli (ambos com 0,24%), Valter Alencar (0,16%) e Lourdes Melo (0,08%).
Os indecisos na sondagem espontânea somam 44,96% e os que declaram voto nulo e branco atingem a 13,92%. Os eleitores sem candidato, portanto, somam 58,88%, ou seja, mais que o dobro das intenções de voto dadas a Wellington Dias.

O governador lidera com folga na pesquisa espontânea

Se a pesquisa estimulada aponta uma tendência de segundo turno, na sondagem espontânea o governador Wellington Dias tem a seu favor uma enorme vantagem sobre os adversários, com 27,20% das intenções de votos.  
Portalaz

Renata Vasconcellos dá lição em Bolsonaro no JN e viraliza na web

 (Crédito: Reprodução/TV Globo)
A segunda noite de entrevistas com os candidatos à presidência da República do Jornal Nacional aconteceu nesta terça-feira, 28, e recebeu o presidenciável do PSL Jair Bolsonaro, que acabou protagonizando um embate ao vivo com Renata Vasconcellos sobre a diferença salarial entre homens e mulheres.
Na ocasião, os apresentadores do JN questionaram o deputado sobre quais as propostas dele para acabar com essa desigualdade. Ainda, Bonner e Vasconcellos citaram algumas falas de Bolsonaro sobre o assunto, como uma entrevista concedida pelo mesmo à Luciana Gimenez.
Após se esquivar da pergunta e tentar tergiversar, Jair Bolsonaro jogou a responsabilidade ao Ministério Público, e comparou a atual situação brasileira aos salários dos apresentadores. “Eu estou vendo aqui uma senhora e um senhor [Bonner e Vasconcellos], eu não sei ao certo, mas há um diferença salarial aqui. Me parece que muito maior para ele do que para a senhora. São cargos semelhantes, não são iguais”. logo em seguida, Bolsonaro foi pego de surpresa por uma declaração de Renata Vasconcellos, que acabou viralizando nas redes sociais.

"Eu poderia, até como cidadã e como qualquer cidadão brasileiro, fazer questões sobre os seus proventos. O senhor é um funcionário público, um deputado federal há 27 anos, e como contribuinte, ajudo a pagar o seu salário. O meu salário não diz respeito a ninguém, e eu posso garantir ao senhor que, como mulher, jamais eu aceitaria um salário menor que o de um homem que exercesse as mesmas funções e atribuições que eu", respondeu a jornalista.
Desigualdade salarial entre homens e mulheres
O tema em questão já foi abordado em entrevistas anteriores com o deputado e candidato à presidência Jair Bolsonaro. Antes de concorrer ao pleito, o postulante do PSL chegou a afirmar que “não empregaria uma mulher com o mesmo salário que um homem”.
Agora, o segundo colocado nas intenções de voto moderou o tom quanto à questão, mas continua afirmando que não tem projeto porque a igualdade já está “assegurada na Constituição”.
Fato é que a realidade é completamente diferente da prática e está longe de acabar. Dados divulgados no Relatório de Desigualdade Global de Gênero 2016, do Fórum Econômico Mundial, apontou que a diferença entre os salários de homens e mulheres no Brasil só será realmente igual em 2111, ou seja, quase cem anos.
Entre os 144 países avaliados no relatório, o Brasil ocupa a 129ª posição — especialmente a respeito da igualdade de salário entre os gêneros. Os países com muitos casos de violência contra a mulher, como Irã e Arábia Saudita, estão em melhor posição na lista.
Segundo o texto, serão necessários 95 anos, caso o atual ritmo seja mantido, para equiparar as condições econômicas de homens e mulheres no Brasil. No entanto, incluindo política, educação e outras questões sociais, acabar com a desigualdade de gênero no país levará 104 anos. Já a taxa mundial chega a 170 anos.
O estudo também aponta que a presença de Dilma Rousseff no cargo de presidente fez o Brasil subir no ranking geral, passando da 85ª posição para a 79ª entre 2014 e 2015. No entanto, a classificação ainda é pior do que dez anos atrás, quando o Brasil estava na 67ª posição. Atualmente, o país está atrás dos 17 outros países latino-americanos.

Waldelúcio Barbosa

Conselheiro do Tribunal de Contas determina que prefeito Mão Santa suspenda licitação

O conselheiro Abelardo Pio Vilanova e Silva, do Tribunal de Contas do Estado do Piauí (TCE-PI), concedeu medida cautelar para suspender licitação da prefeitura de Parnaíba, que tem como prefeito Mão Santa, prevista para esta quinta-feira (30), após denúncia de irregularidades. A decisão é desta terça-feira (28).

A empresa Prime Consultoria e Assessoria Empresarial Ltda apresentou denúncia alegando possíveis irregularidades contidas no Edital de Concorrência Pregão Presencial nº 092/2018, publicado pelo município de Parnaíba com vistas à contratação de empresa especializada para prestação de serviços de sistema informatizado e gerenciamento de equipamentos periféricos do sistema.

Segundo a denunciante, o edital em questão veda a participação no certame de empresas no incurso das penalidades de suspensão do direito de licitar (art. 87, III, Lei 8.666/93), impedimento de licitar (art. 7º) da Lei 10.520/02) e Declaração de Inidoneidade (art. 87, IV do Lei 8.666/93), posicionamento esse que não representa o entendimento majoritário exarado pelos Tribunais Superiores, motivo pelo qual solicita a suspensão do procedimento em questão, bem como a correção do supracitado edital. 
 A Prime Consultoria alegou que foi penalizada pelo Serviço Autônomo de Água e Esgoto de Sorocaba/SP com o impedimento de licitar e contratar apenas com a Administração Pública do Estado de São Paulo. 
Nesse sentido, o conselheiro destacou que “a empresa Prime Consultoria E Assessoria Empresarial LTDA encontra-se impedida de licitar e contratar apenas junto ao Serviço Autônomo de Água e Esgoto de Sorocaba/SP, logo, entende-se plausível a adoção da medida cautelar face à denúncia apresentada”. 
O membro da corte de contas decidiu então conceder a medida determinando ao prefeito Mão Santa e ao presidente da Comissão de Licitação que se abstenham de realizar a abertura da Concorrência nº 092/2018, prevista para às 9 horas do dia 30 de agosto de 2018, bem como procedam a adequação do Edital em questão, possibilitando assim a ampla concorrência.
Fonte: GP1

terça-feira, 28 de agosto de 2018

Marcelo diz que suplentes serão elo de ligação com demandas do povo

O candidato a senador Marcelo castro (MDB) afirma que irá adotar as propostas apresentadas pelos suplentes Zé Hamilton (PTB) e Rosário Bezerra (PT) caso seja eleito. Segundo ele, a ex-vereadora de Teresina Rosário Bezerra figura importante pautas que asseguram o empoderamento feminino no Piauí.


Rosário afirma que o parlamentar vai poder integrar as bandeiras defendidas por este segmento aos seus projetos, além de avaliar a participação de mulheres na chapa majoritária que participa.

“Nós queremos mesmo é a paridade, que o número de candidatos homens seja igual aos de candidatas mulheres, no entanto aqui [no Piauí] considero um avanço muito positivo ter a nossa chapa majoritária com o governador Wellington Dias, Regina Sousa como [candidata a] vice, os dois senadores, Marcelo Castro, Ciro Nogueira e eu como segunda suplente”, disse. Eliane Nogueira é também outra suplente, porém indicada por Ciro.

Para Rosário, caso seja eleito, a convivência de Marcelo Castro com outras senadoras vai afinar o discurso do parlamentar a respeito de proposições que tragam benefícios paras as mulheres brasileiras. “O deputado Marcelo poderá observar as bandeiras defendidas pelas senadoras e transformá-las em projetos como o combate à violência, o atendimento integral à saúde, construção de hospitais voltados para a mulher e o incentivo ao empreendedorismo, porque às vezes a violência doméstica é uma consequência da dependência financeira que a mulher tem em relação ao homem”, pontua.

Rosário entende que as mulheres negras são as que mais precisam de políticas públicas. “Quando eu recebi o convite [para ser suplente] foi o primeiro assunto que tratei com ele, pois dialogando com as outras senadoras e setores da sociedade, o candidato Marcelo Castro poderá, sim, defender projetos que beneficiem as mulheres e, quando você fala em mulheres, se fizer um recorte, temos 'mulheres' e 'mulheres negras', estas são mais oprimidas ainda, elas possuem necessidades de mais projetos porque o Brasil tem uma dívida com a população negra desde a escravidão”, afirmou.

José Hamilton, liderança em Parnaíba, comenta que o papel dos suplentes, tanto dele quanto de Rosário Bezerra, será de fazer o elo entre as demandas dos piauienses e Marcelo Castro no senado. “Existem projetos que só se resolvem na esfera federal, que dependem muito de uma ação federal, por isso precisamos ter um senador que esteja em Brasília e que esteja assessorado para agir na solução destes problemas, um exemplo que cito diz respeito à| obras dos Tabuleiros Litorâneos, que poderiam gerar vinte mil empregos imediatamente, mas dependem de um esforço vindo do senado federal”, informou.

Hamilton lembra que seria candidato a deputado estadual no pleito de 2018, porém declinou de seu intento ao receber o convite para ser suplente do emedebista. “Entendi que o Marcelo [Castro] tem feito sua história por onde passou, seja no Iapep, seja na Secretaria Estadual de Agricultura, na Câmara Federal ou no Ministério da Saúde, foi ele quem deu o primeiro passo para que nós tivéssemos solucionado o problema da Oncologia, que foi descentralizada para a região Norte do Estado”, concluiu.

Fonte: Ascom

Procurador eleitoral pede impugnação de 14 candidaturas no Piauí, entre elas, de Heráclito Fortes. Veja lista!

Resultado de imagem para heraclito luciano nunes e mao santa
No último dia do prazo, o Ministério Público Eleitoral pediu a impugnação dos registros de 14 candidatos que desejam disputar o pleito de outubro. Entre os motivos estão problemas como documentação e aplicação da lei da ficha limpa.

É o caso do deputado federal Heráclito Fortes (DEM). De acordo com o Ministério Público, ele foi condenado por "abuso político em benefício pessoal, conduta praticada na condição de detentor de cargo na administração publica".

Em 1991, Heráclito foi prefeito de Teresina e teria usado a frase "Juntos somos mais Fortes" em material administrativo. A ação foi caracterizada como promoção pessoal.

O Tribunal Regional Eleitoral (TRE) inicia amanhã (29) o julgamento dos pedidos de impugnação. O Tribunal tem até o dia 17 para apresentar o parecer e decidir se impugna ou não os pedidos feitos pelo Ministério Público.

Na lista estão ainda os candidatos a senador Marcos Vinícios (PTC), Frank Aguiar (PRB) e Paulo Henrique (Rede). Correm o risco de não serem candidatos ainda quatro candidatos a deputado estadual e seis postulantes ao cargo de deputado federal.

Fonte: Cidade Verde
Edição: Extra Parnaíba

Candidato ao Senado Federal declara ao TRE possuir 800 mil reais "guardado no colchão"


Alexandre Almeida

Candidato ao Senado Federal pelo Maranhão, o advogado Alexandre Almeida (PSDB) declarou possuir bens no valor de R$ 1.317.209,38 (um milhão, trezentos e dezessete mil, duzentos e nove reais e trinta e oito centavos).
Um detalhe na declaração de bens chama atenção: o candidato declara possuir R$ 800.000,00 (oitocentos mil reais) em espécie, ou seja, em dinheiro vivo, como se diz no popular "guardado no colchão".
O advogado Alexandre Almeida está no seu segundo mandato de deputado estadual, foi vereador em 2004 e 2008 e já disputou a prefeitura de Timon por duas vezes, sendo derrotado por Luciano Leitoa nas duas ocasiões.

 Foto: Lucas Dias/GP1

Supremo volta a discutir liberdade de Lula em setembro

O STF (Supremo Tribunal Federal) voltará a analisar a liberdade do ex-presidente Lula na primeira semana de setembro.
Nesta segunda (27), o ministro Edson Fachin, relator da Lava Jato na corte, liberou para o plenário o julgamento do recurso ao habeas corpus negado ao petista em abril, antes de ele ser preso.
De acordo com o andamento processual no site do Supremo, o julgamento será virtual entre os dias 7 e 13 de setembro.
A defesa de Lula apresentou, em 28 de junho, embargos de declaração pedindo esclarecimentos do julgamento no plenário. Os advogados sustentam que não ficou claro se a prisão de condenados em segunda instância deve ser automática ou se precisa de uma justificativa em cada caso.
SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) 

Debate da TV Cidade Verde será segunda-feira, dia 3, às 12h

A TV Cidade Verde realiza na próxima segunda-feira, dia 3 de setembro, o primeiro debate da emissora nas eleições deste ano. O confronto entre os candidatos será exibido, às 12h, durante o Jornal do Piauí.
O debate será transmitido ao vivo pela TV, Rádio, portal e pelo CVPlay, aplicativo da emissora. 
Participarão do debate os candidatos Dr. Pessoa (Solidariedade), Elmano Férrer (Podemos), Luciano Nunes (PSDB), professora Sueli Rodrigues (Psol), Valter Alencar (PSC), Wellington Dias (PT) e Fábio Sérvio (PSL). 
A regra do debate cumpre a legislação eleitoral nos termos do Art.38, paragráfo 2º da resolução Nº 23551, de 18.12.2017, do Tribunal Superior Eleitoral.
Na sexta-feira (31), a jornalista Nadja Rodrigues, no Notícia da Manhã, fará ao vivo o sorteio sobre a posição dos candidatos no cenário do debate.
Os candidatos vão responder perguntas sobre temas propostos pela organização do debate, terá confronto direto de candidato perguntando para candidato e com temas livres.
cidade verde

segunda-feira, 27 de agosto de 2018

Coligação de Wellington Dias vai entrar com ação contra Luciano e Mão Santa por conduta vedada

A assessoria jurídica da coligação “A vitória com a força do povo”, do governador Wellington Dias, vai ingressar com representação junto à Justiça Eleitoral contra o candidato ao Governo do Estado, Luciano Nunes (PSDB), e o prefeito de Parnaíba, Mão Santa (PSC), por usarem a estrutura administrativa da Prefeitura de Parnaíba em favor da candidatura tucana.
Segundo a denúncia, a foto oficial do perfil da Coordenação de Atenção Básica de Parnaíba, no Facebook, possui a logomarca do candidato tucano com o nome “Tô com Luciano 45”. A coordenação faz parte da estrutura administrativa da Prefeitura de Parnaíba.

Foto: Facebook/Página oficial da Coordenação da Atenção Básica de Parnaíba
Para a assessoria jurídica da coligação, a prática é uma conduta vedada por lei, pois os agentes públicos, em campanha eleitoral, não podem usar materiais ou serviços custeados pelos Governos a apoiar candidatos. A proibição está prevista no Artigo 73 da Lei 9.504/1997.
“É importante ressaltar que a vice-candidata a governadora na chapa de Luciano é a filha do prefeito Mão Santa, Cassandra Moraes Sousa (DEM). Assim, está ocorrendo um verdadeiro abuso de poder político na cidade de Parnaíba”, destacou a assessoria.
Outro lado
Procurada, na tarde desta segunda-feira (27), a assessoria jurídica da coligação “Piauí de Verdade” informou que só poderá se manifestar após a notificação. Já a assessoria do prefeito Mão Santa ficou de retornar com um posicionamento, o que não aconteceu até a publicação desta matéria.
GP1

Data AZ: Wellington Dias com 54,94% e Luciano 7,95% em Piripiri

Pesquisa estimulada realizada pelo Instituto Data AZ na cidade de Piripiri e divulgada nesta segunda-feira (27), aponta o governador Wellington Dias (PT) liderando as intenções de voto para as eleições deste ano.


O governador aparece com 54,94%, em segundo lugar aparece Luciano Nunes (PSDB) com 7,95%, seguido por Dr. Pessoa (SD) com 6,75%, Elmano Férrer (Podemos) com 1,45%, Fábio Sérvio (PSL) com 0,48%. Os demais candidatos Lourdes Melo (PCO), Luciane Santos (PSTU), Romualdo Seno (PSDC), Sueli Rodrigues (PSOL) e Valter Alencar (PSC) não receberam votos.

O percentual dos que informaram que não sabiam ou preferiram não opinar, ficou em 17,35%. Já os percentual dos que disseram que votariam em branco ou nulo, ficou em 11,08%. A pesquisa foi realizada no dia 14 de agosto, e 415 pessoas foram entrevistadas, sendo 332 na zona urbana e 83 na zona rural de Piripiri. A margem de erro foi de 4,8% para mais ou para menos. Ela foi registrada é pelos números: PI-08618/2018 e BR-03901/2018.
Espontânea

Na pesquisa espontânea, quando o nome dos candidatos não são apresentados, o governador aparece com 33,25% das intenções de votos, e em segundo lugar tem Luciano Nunes de 3,86% seguido por Dr. Pessoa com 1,20%. Já o percentual dos que disseram que não sabiam em quem votar, ficou em 58,07%, já os nulos e brancos são de 3,13%.
Segundo turno
Em um cenário entre Wellington Dias e Dr. Pessoa no segundo turno, o governador aparece com 57,11% das intenções de votos em Piripiri, contra 13,73% do candidato do Solidariedade. Os indecisos ficaram em 29,16% dos votos.
Já na disputa entre o governador e Luciano Nunes, o petista venceria com 59,08% e o tucano com 12,77%. Já a quantidade de indecisos ficou em 29,16%.


Fonte: GP1

Alunos da UFPI lançam Nota de Repúdio a edital do concurso anunciado pelo prefeito Mão Santa

Resultado de imagem para mão santa

Uma comissão de estudantes de fisioterapia da Universidade Federal do Piauí – campus Parnaíba divulgou Nota de Repúdio à Prefeitura de Parnaíba pela publicação do edital de concurso público para área de saúde, onde contempla o cargo de fisioterapeuta.

Segundo eles, o que consta em edital fere totalmente o código, pois um profissional da área tem como carga horária 30h, porém no edital, consta 40h. Além disso, o salário está abaixo do piso da categoria.

Diante disso, foi repassada a informação ao Blog Extra Parnaíba, que foi formalizada denúncia no Crefito 14 – Conselho Regional de Fisioterapia e Terapia Ocupacional para que as providências sejam tomadas.

NOTA DE REPÚDIO

De acordo com a Lei nº 8.856/94, o fisioterapeuta está sujeito a uma carga horária máxima de 30h semanais de trabalho, com piso salarial estabelecido pela Lei 6.633-PI/2015 de R$2.402,00 (20h) e 2.965.00 (30h).

Mas, ao nos depararmos com o edital Nº 1/2018 – SESA da Prefeitura Municipal de Parnaíba, encontramos um desconhecimento total das leis e desvalorização da nossa futura profissão. Desrespeito total!

Felizmente, o CREFITO – 14 é bastante atuante em coibir tais atos que vem acontecendo no nosso estado, ciente disto, nossa denúncia já foi formalizada e aguardamos para que haja uma notificação e correção deste edital.

#MAISRESPEITOPELOFISIOTERAPEUTA

Turma XIX de Fisioterapia – UFPI

Por Tacyane Machado – Blog Extra Parnaíba

Policlínica de Parnaíba deverá atender mais três cidades do norte do Piauí

Com o objetivo de ampliar os serviços da Policlínica de Parnaíba para mais cidades do norte do Piauí, o secretário estadual de saúde, Florentino Neto, reuniu-se na manhã deste domingo (26/08) com representantes de municípios e da Universidade Federal do Piauí para tratar dessa parceria.
Estiveram presentes, além do secretário, o diretor da Universidade Federal do Piauí – campus Parnaíba, o coordenador da Policlínica, a diretora estadual da atenção básica, Dília Falcão, os secretários de saúde dos municípios de Buriti dos Lopes, Cocal e Luís Correia e os diretores dos hospitais, Nossa Senhora da Conceição (Luís Correia), Mariano Lucas de Sousa (Buriti dos Lopes) e Joaquim Vieira de Brito (Cocal).
De acordo com o secretário estadual da saúde, Florentino Neto, o objetivo da reunião é que a Policlínica de Parnaíba possa atender aos pacientes não só do Hospital Estadual Dirceu Arcoverde de Parnaíba, como também de pacientes referenciados por estes três hospitais. “A Policlínica funciona numa parceria entre Secretaria Estadual de Saúde com a Universidade Federal do Piauí e tem como objetivo, a assistência em saúde, mas também tem como objetivo, nortear a pesquisa realizada pelos acadêmicos e residentes do curso de Medicina da Ufpi”.

“Hoje, a Policlínica realiza atendimentos em mais de dez especialidades médicas. O suporte de diagnóstico à Policlínica é dado pelo Laboratório de Saúde Pública, que também funciona em parceria entre Ufpi e Sesapi e com a reunião de hoje, nós teremos, uma ampliação do atendimento na Policlínica e a participação desses três municípios nesse grande projeto que é a assistência especializada na cidade de Parnaíba com o apoio da Secretaria Estadual de Saúde”, enfatizou Florentino Neto.

Por Tacyane Machado – Blog Extra Parnaíba

Marcelo Castro faz giro pelo Sul do Piauí e visita cinco municípios em um dia

O último sábado (25) foi de agenda cheia para Marcelo Castro, que disputa uma vaga ao senado pela coligação “A Vitória Com A Força do Povo”. O emedebista passou pelas cidades de Floriano, Nazaré do Piauí, São Francisco do Piauí, Jerumenha e Guadalupe, município que comemorou 89 anos de emancipação política na respectiva data.
Ao lado do governador Wellington Dias e de Ciro Nogueira, a agenda do ‘time do povo’ foi intercalada entre lançamentos de candidaturas de deputados estaduais e federais, caminhadas e encontros com lideranças das cidades, entre eles, o professor de Matemática do IFPI, André Melo.
“Como professor, como militante dos movimentos sociais estou aqui com muita tranquilidade para dizer que o candidato Marcelo Castro é um dos que mais olha pelo Piauí. Aqui em nossa cidade de Floriano tem ajudado na saúde e na mobilidade urbana, ou seja, temos de fato diversos trabalhos desse que foi e é historicamente um dos grandes deputados federais do Piauí”, considerou.
Entre os diversos recursos destinados ao município enquanto deputado, Marcelo Castro destacou emendas na ordem de três milhões para pavimentação asfáltica, além de 56 milhões de reais para a implantação do sistema de esgotamento sanitário da cidade, contemplando mais de 80 mil pessoas. “Coloquei muitas verbas aqui para Floriano, são dezenas de ruas, quilômetros de ruas calçadas com recursos que mandei aqui para a cidade e tenho a obra mais importante de Floriano já construída em qualquer época que é o saneamento básico, uma luta minha”, disse.
Se para equipar o Hospital de Floriano, Castro destinou cerca de um R$ 1,7 milhão, em Paes Landim, o prefeito Gutim conta que o postulante a vaga de senador deixou a Unidade Básica de Saúde funcionando completamente. “Queria aqui agradecer ao deputado Marcelo Castro pelas imensas obras que tem feito em nosso município, onde enquanto Ministro da Saúde colocou nossa UBS em pleno funcionamento, além de destinar várias emendas para a construção estradas vicinais”, agradeceu Gutim, durante a passeata realizada na cidade de São Francisco do Piauí.
Nas cinco cidades por onde passou, Marcelo Castro fez questão de frisar a sua nova missão nesta campanha. “Viemos aqui para dizer que queremos ir a Brasília, não mais como deputado federal, mas como Senador da República para poder trabalhar muito mais do que o que a gente já trabalhava para desenvolver o nosso estado, trazer o progresso, gerar emprego, gerar renda, melhorar a saúde, a educação, infraestrutura, enfim, melhorar a vida das pessoas porque essa é nossa obrigação”, afirmou.

Marcelo Castro esteve acompanhado do Ministro das Cidades, Alexandre Baldy; do prefeito de Floriano, Joel Silva; da prefeita de Jerumenha, Aldara Pinto e da ex-prefeita Chirlene Araújo; do prefeito de Nazaré do Piauí, Nonato de Abílio e da prefeita de Guadalupe, Neidinha, além de candidatos a deputado federal e estadual.

Fonte: Ascom