sexta-feira, 16 de agosto de 2019

PRF retira radares móveis das rodovias federais que cortam o Piauí


Resultado de imagem para prf radarA Polícia Rodoviária Federal (PRF) já suspendeu o uso de equipamentos medidores de velocidade estáticos, móveis e portáteis nas rodovias federais que cortam o Piauí. A medida ocorreu após despacho públicado no Diário Oficiail da União nesta quinta-feira (15) por determinação do presidente da República Jair Bolsonaro que anunciou em visita ao Piauí a suspensão dos 'pardais' nas BRs.

Em nota à imprensa, a PRF informou que o uso dos equipamentos permanecerão suspensos até que o "Ministério da Infraestrutura conclua a reavaliação da regulamentação dos procedimentos de fiscalização eletrônica de velocidade em vias públicas". 
Especialistas em trânsito criticam a medida do presidente Bolsonaro e acreditam que a suspensão dos 'pardais' terá como consequência o aumento de acidentes, inclusive, com vítimas fatais. 
"Sou a favor que continuemos com os radares, mas tem que ver o local ideal. Uma BR em que não tenha casa ou população ao redor, não acho necessário. Contudo, na zona urbana, onde há um fluxo de pessoas muito grande é importante ter o radar, justamente, para que se controle a velocidade e a gente não veja tantos acidentes como acontecem nas BRs", disse o especialista em trânsito Sandro Costa.
Por determinação do presidente, a partir da próxima segunda-feira (19) todos os pardais devem ser suspensos efetivamente em todas as rodovias federais do país. 

Graciane Sousa
gracianesousa@cidadeverde.com

quinta-feira, 15 de agosto de 2019

TSE retoma no dia 27 julgamento de candidaturas laranjas do Piauí

O julgamento das supostas candidaturas laranjas de mulheres nas eleições 2016 no Piauí já tem data para ser retomado: dia 27 de agosto. Até o momento, dois ministros do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) já votaram no processo, que diz respeito a candidaturas de 6 vereadores no municipio de Valença
O relator, ministro Jorge Mussi, votou pela cassação do seis vereadores da chapa envolvidos. Já Edson Fachin, que interrompeu o julgamento com um pedido de vistas, optou por penalizar apenas quem se beneficou com a fraude.
A denúncia é de que as coligações usaram candidaturas fictícias de mulheres para preencher a cota feminina de 30%. Se for confirmada a cassação, será a primeira do país e dará jurisprudência para cassar candidaturas "laranjas".
O estímulo à participação feminina por meio da chamada cota de gênero está previsto no artigo 10, parágrafo 3º, da Lei das Eleições (Lei nº 9.504/1997). Segundo o dispositivo, cada partido ou coligação preencherá o mínimo de 30% e o máximo de 70% para candidaturas de cada sexo, nas eleições para Câmara dos Deputados, Câmara Legislativa, assembleias legislativas e câmaras municipais.
“A gravidade dos fatos é incontroversa”, asseverou o relator ao concluir seu voto também pela inelegibilidade das mulheres envolvidas. Em um dos casos, o ministro afirmou que “salta aos olhos” o fato de uma das candidatas nem sequer ter comparecido às urnas no dia da eleição.
Em outro caso, segundo ele, o cenário é ainda pior e incomum, pois a candidata compareceu à urna e, ainda assim, não obteve nenhum voto.
Além disso, Mussi destacou que, em um dos casos, as provas obtidas demonstram que a mulher é reincidente na prática de se candidatar apenas para preencher as cotas e assim obter licença remunerada do serviço público no período da campanha.
“O percentual mínimo de 30% é de gênero. Manter o registro apenas das candidatas mulheres culminaria em última análise em igual desrespeito à norma, dessa vez em sentido contrário ao que usualmente acontece”, disse ele.
Com informações do TSE

quarta-feira, 14 de agosto de 2019

Preso por furto, assessor de Mão Santa continua recebendo salário de R$ 5 mil

O Superintendente de Ações em Saúde e Acompanhamentos de Projetos da Prefeitura de Parnaíba, Breno Leandro Rodrigues dos Santos, preso desde o mês passado por determinação da Justiça, após ser condenado por furto qualificado a 05 (cinco) anos, 10 (dez) meses e 16 (dezesseis) dias de cadeia, por subtrair R$ 200,00 (duzentos reais) de Conceição de Maria Albuquerque Pereira, não foi exonerado pelo prefeito Mão Santa e continua recebendo religiosamente os seus proventos como prova dados do Portal da Transparência.
  • Foto: Facebook/Breno LeandroBreno Leandro Rodrigues dos Santos
Em julho, mês da sua prisão, o superintendente recebeu R$ 5.000,00 (cinco mil reais) de salário e ainda 1/3 de férias, no valor total de R$ 6.666,66 (seis mil seiscentos e sessenta e seis reais e sessenta e seis centavos).
  • Foto: Portal da TransparênciaSalário de Breno Leandro no mês de julho
Recolhido na Penitenciária Mista de Parnaíba, um habeas corpuschegou a ser impetrado pela defesa, sob alegação de que o mesmo estaria sofrendo “constrangimento ilegal” e “violenta coação ilegal em sua liberdade”.
O desembargador Joaquim Dias de Santa Filho negou pedido de liminar, afirmando que o decreto de prisão foi fundamentado na garantia da ordem pública “vez que a existência de outros procedimentos criminais em desfavor do paciente indica a periculosidade do mesmo e inclinação para o cometimento de crimes.”
Outra condenação
Bruno Leandro já foi condenado anteriormente por tráfico de entorpecentes, após a polícia encontrar 274 pedras crack em sua residência.
Nomeação
Em 2017, Breno Leandro foi nomeado para exercer o cargo comissionado de Diretor de Gestão Patrimonial e Operacional da Secretaria Municipal de Saúde do Município de Parnaíba e no começo de 2019, pelos relevantes serviços prestados, foi promovido a Superintendente na Secretaria Municipal de Saúde.
  • Foto: Divulgação/Prefeitura de ParnaíbaNomeação de Breno Leandro
Ligação com Gracinha
O superintendente é uma espécie de “ajudante de ordens” da super-secretária Maria das Graças Moraes Souza Nunes, a conhecida “Gracinha”.
Gp1

segunda-feira, 12 de agosto de 2019

Bolsonaro chega 9h e vai embora 12h no dia 14 em Parnaíba

A visita do presidente Jair Bolsonaro a Parnaíba no próximo dia 14, quando a cidade completa 175 anos, sofreu alteração. Ele passará 3 horas no litoral. Chega às 9h e retorna a Brasília ao meio-dia.
O presidente vai sobrevoar os Tabuleiros Litorâneos por 20 minutos.
Veja a programação:
DIA 14/08 
Horário e Local: 
07:00h - Missa em Ação de Graça alusivo aos 175 anos de Parnaíba – Catedral Nossa 
Senhora das Graças – Praça da Graça. 
09:00h – Desembarque do Presidente da República Jair Messias Bolsonaro-
Aeroporto Internacional Dr. João Silva Filho. 
09:20 – Sobrevoo sobre os Tabuleiros Litorâneos.
10:00 Solenidade Cívica alusivo aos 175 anos de emancipação política da cidade de 
Parnaíba. (Com a presença do Presidente da República Sr. Jair Messias Bolsonaro 
com a Sra. Michelle Bolsonaro e sua Comitiva Presidencial) - Aeroporto Internacional 
Dr. João Silva Filho.
11:00 Inauguração da Escola Presidente Jair Messias Bolsonaro – SESC. Av. 
Presidente Getúlio Vargas 963 - Centro.
12:00 Embarque do Presidente da República Sr. Jair Messias Bolsonaro – Aeroporto 
Internacional Dr. João Silva Filho
13:00 Solenidade de denominação da Via Pública – General João Baptista 
Figueiredo. Trecho localizado dando início na rotatória da Av. Dr João Silva Filho 
com a Av. Francisco Borges dos Santos até o Portinho. 
14:00 – Inauguração do Centro de Especialidades em Saúde – CES – Rua 
Anhanguera, s/n – Bairro Piauí. 
19:00h: Abertura da 38º Exposição Agropecuária – Av. Rosápolis – Bairro Igaraçu
Por Arimateia Carvalho 

sábado, 10 de agosto de 2019

Secretário de Saúde Florentino Neto anuncia implantação de cirurgias cardíacas em Parnaíba

Na manhã desta sexta-feira (09) o secretário de estado da saúde Florentino Neto, durante reunião da Comissão Intergestora Bipartite (CIB), conduziu a aprovação da implantação do serviço de realização de cirurgias cardíacas no Hospital e Maternidade Marques Bastos, em Parnaíba. A aprovação se deu de maneira unânime durante a votação.
“Este é um momento muito feliz como gestão, estamos implantando a cirurgia cardíaca em Parnaíba, esse é um trabalho fundamental para a região da planície litorânea, região dos cocais, e acima de tudo para a descentralização desse tratamento de alta complexidade aqui no estado do Piauí”, disse o secretário.

Em seguida a resolução da CIB será encaminhada ao Ministério da Saúde para que o mesmo faça a habilitação do serviço no hospital. Dessa forma, será permitido que a unidade receba os repasses condizentes com a nova atividade que será implantada dentro do hospital.

ASCOM/SESAPI

terça-feira, 6 de agosto de 2019

Ministério Público pede afastamento de Gracinha Moraes Souza da gestão municipal

A ação de improbidade administrativa foi ajuizada pelo promotor Antenor Filgueiras Lobo Neto, da 1ª Promotoria de Justiça Civil da Comarca de Parnaíba.

O Ministério Público do Estado do Piauí, através do promotor Antenor Filgueiras Lobo Neto, da 1ª Promotoria de Justiça Civil da Comarca de Parnaíba/PI, ingressou com ação civil de improbidade administrativa contra a filha do prefeitoMão Santa, Maria das Graças Moraes Souza Nunes, mais conhecida como “Gracinha”, secretária municipal de Infraestrutura, Habitação e Regularização Fundiária, acusada de não atender as requisições do Ministério Público por duas vezes, retardando ou omitindo dados indispensáveis à propositura da ação civil.

MP instaurou procedimento para investigar irregularidades em ponte

De acordo com a petição inicial, a 1ª Promotoria instaurou procedimento para apuração de eventuais irregularidades em edificação de estrutura de ponte localizada na Rua Dom Pedro I, Bairro Santa Luzia, no Município de Parnaíba (PI), que, segundo relatos, ensejaram diversos acidentes de trânsito na região.

Relata que foram expedidos ofícios ao Município de Parnaíba (PI), através da Secretaria Municipal de Infraestrutura, no sentido da adoção de providências acerca da situação da edificação.

Em resposta foram apresentadas informações quanto a adequação da sinalização de tráfego, sendo anexado “Projeto de Adequação da Sinalização de Tráfego”, sem informações quanto a efetiva realização do projeto , a comprovação do contrato de licitação da Empresa responsável pela obra, a fonte de custeio, as notas de empenho e demais informações.

Gracinha não apresentou informações solicitadas

O Ministério Público expediu oficio com solicitação de informações quanto às providências adotadas, além de cópia integral do processo licitatório, fonte de custeio, notas de empenho e demais informações pertinentes, com prazo de 10 (dez) dias úteis para manifestação,sendo recebido na data de 22 de maio de 2019.

Diz o Ministério Público que não foi apresentada qualquer manifestação nos autos, fato devidamente certificado na data de 06 de junho de 2019.

O MP enviou novo oficio, com prazo de 15 (quinze) dias úteis para resposta, consignando a abertura de Inquérito Civil e propositura de Ação Civil Pública em caso de nova omissão, além das sanções previstas no artigo 10, da Lei Nº. 7.347/1985, conforme recebimento na data de 19 de junho de 2019. Porém, atesta o MP, não foi apresentada qualquer manifestação acerca das informações solicitadas.

Conduta tem causado prejuízos a apuração

Para o promotor, a conduta omissiva reiterada da Requerida tem ensejado sérios prejuízos ao impulsionamento do procedimento em tramitação, tendo em vista que as eventuais irregularidades existentes na sinalização da ponte tem ocasionado riscos à população que circula na região.

Tutela de urgência

O Ministério Público pede liminarmente a concessão de tutela de urgência, a fim de que Gracinha Moraes Souza seja condenada a apresentar as informações solicitadas através dos ofícios expedidos, sob pena de multa diária de R$ 10.000,00 (dez mil reais)

MP pede a perda da função pública

O promotor pede a condenação de Gracinha Moraes Souza nas sanções do artigo 12, inciso III, da Lei Nº. 8.429/92, quanto a perda da função pública que ocupar ao tempo do julgamento; suspensão dos direitos políticos de 03 (três) a 05 (cinco) anos, pagamento de multa civil de até 100 (cem) vezes o valor da remuneração percebida no cargo de Secretária Municipal de Infraestrutura, Habitação e Regularização Fundiária e proibição de contratar com o Poder Público ou receber benefícios ou incentivos fiscais ou creditícios, direta ou indiretamente, ainda que por intermédio de pessoa jurídica da qual seja sócio majoritário, pelo prazo de 03 (três) anos.

A ação ajuizada ontem (05), corre na 4ª Vara da Comarca de Parnaíba e aguarda recebimento.

OUTRO LADO

Procurada pelo GP1, Gracinha Moraes Souza não atendeu as ligações.

Fonte:GP1

segunda-feira, 5 de agosto de 2019

Partido Verde solidifica suas bases para 2020

O Diretório municipal do Partido Verde – PV em Parnaíba tem passado por modificações nos últimos dias a fim de viabilizar candidaturas ao legislativo e executivo municipal.
As mudanças deram início com a chegada do ex- Deputado Estadual Tererê que com o aval da Presidente Estadual da Sigla Deputada Estadual Teresa Brito, deve montar um time de peso, contando com representantes de diversos segmentos da sociedade parnaibana para tornar-se a terceira via nas eleições para o executivo em 2020.
O grupo encabeçado pelo Partido Verde torna-se uma alternativa de oposição a atual gestão municipal e a política tradicional de Parnaíba.
Com passagem pelo litoral no último fim de semana a Deputada Estadual e Presidente regional da sigla Teresa Brito, tem se dedicado ao fortalecimento do PV em todo o Piauí. O partido poderá lançar candidaturas majoritárias em três municípios da região litorânea.

 


Presidente da Caixa convida parlamentares do Nordeste para café da manhã


O presidente da Caixa, Pedro Guimarães, convidou parlamentares da bancada do Nordeste para um café da manhã, que será realizado na próxima quarta-feira, 7. O gesto ocorre após o jornal O Estado de São Paulo revelar que a Caixa reduziu a concessão de novos empréstimos para a região.

Segundo levantamento com base nos números do próprio banco e do sistema do Tesouro Nacional, em 2019, até julho, o Nordeste recebeu cerca de R$ 89 milhões em empréstimos concedidos pela Caixa. O valor equivalente a cerca de 2,2% do total distribuído para todo o País no mesmo período, R$ 4 bilhões. Em 2018, a região recebeu 21,6% dos R$ 6 bilhões concedidos pela Caixa em operações para governos regionais. 

O jornal apurou com fontes do banco e da área econômica que a ordem para não contratar operações para os Estados e municípios do Nordeste veio do próprio Guimarães. Sob condição de anonimato, as fontes confirmaram que ouviram a orientação em mais de uma ocasião.

A repercussão negativa fez com que a Caixa acelerasse empréstimos a Estados e municípios do Nordeste, como também mostrou o jornal O Estado de São Paulo. O porcentual então subiu de 2,2% para 3% nos últimos dias. 

Guimarães chegou a ser cobrado por Jair Bolsonaro sobre o caso. Na frente de jornalistas, o presidente telefonou a ele pedindo explicações sobre o baixo volume de empréstimos ao Nordeste. "Não existe nenhuma indicação para não favorecer uma região ou outra", justificou o presidente do banco, que foi colocado no viva-voz para que representantes da imprensa pudessem ouvi-lo. "Este ano, liberamos muito mais dinheiro para a Região Nordeste. O que acontece é que você tem uma série de esteiras de análise", disse.

Fonte: Estadão Conteúdo

terça-feira, 30 de julho de 2019

Júlio Arcoverde : Progressistas está com Zé Hamilton

O presidente do Progressistas no Piauí, deputado estadual Júlio Arcoverde, se reuniu com o pré-candidato a prefeito de Parnaíba, ex-prefeito Zé Hamilton (PTB), e disse que a sigla está com ele e não abre. Com isso, Zé Hamilton passa a ser o nome mais forte das oposições para disputar a eleição contra o prefeito Mão Santa. O secretário estadual de Saúde, Florentino Neto, não teria dificuldade em compor com Hamilton. 
O problema no bloco oposicionista é o deputado estadual Dr. Hélio, do PL, que não abre mão de sair candidato e ensaia até lançar-se como uma terceira via, ao lado de Tererê e do vice-prefeito, Samarone. O peso de Júlior e Ciro é grande e Zé Hamilton se fortalece muito.
Por Arimateia Carvalho 

sexta-feira, 26 de julho de 2019

Oferta de cirurgia cardíaca será ampliada no Piauí

A Secretaria Estadual de Saúde está aguardando pronunciamentos das Comissões Intergestoras Regionais da Planície Litorânea e dos Cocais para aprovar, na reunião do próximo dia 9 de agosto, a realização de cirurgias cardíacas na Maternidade Marques Bastos, em Parnaíba.
Na última reunião da CIB, o secretário Florentino Neto fez um esforço para dar mais celeridade ao processo e chegou a colocar o assunto em Pauta. No entanto, os conselheiros consideraram importante ouvir os municípios das regiões da Planície Litorânea e dos Cocais, por meio de suas Comissões Regionais, sobre a proposta da Maternidade Marques Bastos.
Desta forma, o Secretário determinou que as Comissões Regionais dos Municípios devem se manifestar até o dia sete de agosto, tendo em vista que já incluiu o assunto novamente na pauta da reunião do próximo dia nove.
O Secretário Florentino Neto informou que a Sesapi tem pressa na ampliação da cirurgia cardíaca no Piauí.
Da Redação cidade verde

terça-feira, 23 de julho de 2019

Mão Santa para Bolsonaro: “Tenho uma filha que faz mais confusão que teus três filhos juntos”

O prefeito de Parnaíba, Mão Santa (sem partido) relatou, durante evento na cidade de Piripiri, no último final de semana, detalhes de seu encontro com o Presidente Jair Bolsonaro (PSL) no último dia 17 de junho.
Segundo o prefeito, ao apresentar projetos a Bolsonaro, ele comparou a situação que vive em Parnaíba com sua filha, a secretária de infraestrutura da cidade, Gracinha Moraes Sousa, com a relação do presidente com os filhos, Eduardo, Carlos e Flávio Bolsonaro, que não raramente causam complicações no governo do pai.
“Eu não conheço esses teus filhos nenhum, mas eu ouvi que eles fazem muita confusão, mas eu quero dizer o seguinte: eu tenho uma filha que faz mais confusão que esses teus três filhos juntos, mas na hora do ‘pega’, olha aqui, esses projetos todos são dela”, declarou o prefeito à plateia sorridente.
Gracinha Moraes Sousa
A secretária de infraestrutura de Parnaíba e filha de Mão Santa vem causando discordância e até afastando Mão Santa de seus aliados.
Gracinha é apontada ainda como a responsável pela demissão de vários secretários do primeiro escalão da gestão municipal.
Recentemente ela protagonizou discussão pública em grupos de WhatsApp com o empresário Juriti, um histórico aliado de Mão Santa.
Portalaz

segunda-feira, 22 de julho de 2019

"Espero que não afete a relação", diz governador sobre fala de Bolsonaro

O governador Wellington Dias (PT) afirmou nesta segunda-feira (22) que se sentiu ofendido com a fala do presidente da República, Jair Bolsonaro que se referiu aos governadores como "paraíba". É a primeira vez que o governador comenta em público sobre a polêmica. Em entrevista ao Jornal do Piauí, Wellington disse esperar que a relação entre o governo e a presidência não seja prejudicada.
Na sexta-feira (19), durante café da manhã com correspondentes estrangeiros, o presidente fez críticas a governadores do Nordeste, em especial ao governador do Maranhão, Flávio Dino (PCdoB). "Daqueles governadores de Paraíba, o pior é o do Maranhão. Não tem que ter nada para esse cara", disse, em conversa com o ministro da Casa Civil, Onyx Lorenzoni. Depois disso, Bolsonaro garantiu não ter problemas com o Nordeste e que tudo não passou de uma distorção do que foi dito.
"Eu espero que isso não afete a relação. Quem é governador, presidente, prefeito, espera uma relação respeitosa", ressaltou Wellington. Ele disse que, por um ponto, se sentiu atingido pelo que o presidente falou. 
"Na região Sudeste, quando se quer dirigir ao Nordestino de forma pejorativa, é 'os baianos', 'os paraíba'. Isso é uma triste realidade. A forma como ocorreu ela [a declaração], na verdade, foi muito mais que aos governadores, foi uma forma discriminatória com a própria região. Isso não é bom. Eu não faço esse tipo de coisas com os do Sul, do Sudeste, do Norte, nem Centro-Oeste. Nós temos que tratar todos com muito respeito. Quando eu falo, eu tenho consciência de que é o Piauí que fala, quando o presidente da República fala, é o Brasil que fala. E isso aconteceu num momento em que o presidente dava entrevista para jornalistas do mundo. Isso pesa muito mais", argumentou.
O governador do Piauí criticou a postura do presidente em excluir o Estado do Maranhão e afirmou que os gestores precisam agir com maturidade, de forma independente das decisões políticas, já que oposição e governo vivem no mesmo país.
"Nós temos que agir com maturidade, para garantir uma relação respeitosa, lado a lado. Ali teve um outro ponto que também não é bom: 'não vai liberar nada, nada para tal Estado. Primeiro que eu sou governador de 224 municípios, independente do que aconteceu nas eleições de 2014 e 2018, ou venha acontecer em 2020 e 2022. Sou governador de 3,2 milhões de pessoas, em 224 municípios. Eu espero que o presidente da República também [aja assim], porque nós aqui também trabalhamos, produzimos, geramos impostos e receitas", frisou.
Foto: Analice Borges / Cidadeverde.com
Investimentos em segurança
Wellington classificou a atual relação do governo do Piauí com a presidência como uma "relação institucional". Ele disse que os problemas existentes foram causados porque o governo federal ficou muito tempo preso à pauta da Previdência. 
"Eu sempre chamei atenção para isso. Se a gente ficar preso a uma pauta só, como se fosse a bala de prata, esse é um problema. O Brasil tem pelo menos 20 coisas muito importantes para tratar. Vai terminar a reforma e a União, Estados e municípios continuarão com déficit", enfatizou, citando entre os assuntos mais urgentes, a pauta da segurança pública. "A pauta da segurança não é só liberar armas. Você tem que investir mesmo em segurança, naquilo que traz a paz, a pacificação. Temos que investir na proteção das fronteiras e na integração das forças de segurança e inteligências", completou.
Wellington defende a criação de um fundo nacional de segurança a partir da cobrança de impostos em apostas pela internet relacionada a jogos de futebol, por exemplo. "Todos os dias, brasileiros vão na internet apostar: quem vai fazer o primeiro gol, quem vai ganhar o jogo? Ali se aposta e esse dinheiro vai para outros países sem tributar. Eu defendo que seja tributado. São cerca de R$ 70 a 80 bilhões por ano que se a gente tributar em 20% são R$ 16 bilhões de receita para a segurança", explicou.
Eleições 2020
Sobre as eleições municipais do próximo ano, o governador disse que só tratará do assunto no próximo ano. "Esse ano é ano de muito trabalho, bons resultados. Acho que vai ter uma discussão, inicialmente do partido. No início do ano que vem vamos começar a dialogar. Eleição é caçada de onça, quando você está longe, todo mundo é valente. Quando está longe da eleição todo mundo é candidato. Vai chegando perto e percebe que não é bem assim", comparou.
Cidadeverde

terça-feira, 16 de julho de 2019

Eclipse lunar parcial será visto em todo o Brasil nesta terça-feira


Na noite da próxima terça-feira (16), o Brasil poderá ver um eclipse lunar parcial – quando Sol, Terra e Lua se alinham e nosso planeta faz sombra sobre o satélite. O fenômeno será parecido com o que o Brasil conseguiu ver em janeiro deste ano.

O fenômeno completo terá duração de cinco horas e 33 minutos. A fase da umbra – quando a sombra do Sol começa a ser observada na Lua – terá início às 17h01 (horário de Brasília) e durará duas horas e 51 minutos.

O eclipse lunar é um fenômeno astronômico que ocorre quando a Lua é ocultada totalmente ou parcialmente pela sombra da Terra. Ele ocorre quando há um alinhamento do Sol, Terra e Lua.

Diferente de um eclipse solar total – quando o que é "escondido" é o Sol – a observação da versão lunar não exige um óculos de proteção. A visão da Lua é a olho nu.

Este é o último eclipse lunar do ano. O próximo eclipse lunar total visível no Brasil será apenas em maio de 2022.
G1

segunda-feira, 15 de julho de 2019

Piauí arrecadou mais de R$ 6 bilhões em impostos no primeiro semestre de 2019

Os piauienses já pagaram, no primeiro semestre deste ano, quase R$ 400 milhões a mais em impostos, quando comparado ao mesmo período do ano passado.  O levantamento é do Impostômetro da Associação Comercial de São Paulo (ACSP), que contabiliza os valores arrecadados pelos estados e municípios
Nos primeiros seis meses de 2019, o Piauí arrecadou, exatamente, R$ 6.183.660.922,18 em impostos. O valor é quase 7% superior aos tributos pagos nos seis primeiros meses de 2018, quando somou R$ 5,8 bilhões.
Os dados correspondem ao total de impostos, taxas e contribuições pagos do dia 1º de janeiro ao dia 30 de junho de 2019. E só nos 10 primeiros dias de julho, já adicionados a esse montante mais R$ 322 milhões. Nos 10 primeiros dias de julho do ano passado, foram arrecadados R$ 12 milhões a menos em impostos.
Cidade verde

sexta-feira, 12 de julho de 2019

Site aponta Wellington Dias como o terceiro melhor governador do Brasil

O site Congresso em Foco, especializado na cobertura de atuação parlamentar, publicou levantamento sobre a avaliação dos governadores pelos líderes do congresso.  Essa é a primeira vez que o Painel pede aos líderes uma avaliação sobre a atuação dos governadores.
A pesquisa colocou em primeiro lugar, o governador do Maranhão, Flávio Dino (PC do B), em segundo, o governador da Bahia, Rui Costa (PT) e m terceiro, o governador do Piauí, Wellington Dias (PT).
Foram ouvidos 61 deputados e senadores, entre os dias 13 e 19 de junho, que figuram entre os mais influentes do Parlamento. São líderes partidários, presidentes de comissões e frentes parlamentares, entre outras lideranças. Eles responderam perguntas sobre os cenários políticos e econômicos, assim como o desempenho de autoridades. 
Para os parlamentares entrevistados, os governadores Flávio Dino (PCdoB), do Maranhão, Rui Costa (PT), da Bahia, e Wellington Dias (PT), do Piauí, são, pela ordem, os três de melhor desempenho. Na sequência vêm Camilo Santana (PT), do Ceará, Renato Casagrande (PSB), do Espírito Santo, e Paulo Câmara (PSB), de Pernambuco.
Tendências
O objetivo da pesquisa trimestral é apontar as tendências predominantes no Congresso Nacional. Os parlamentares foram convidados a dar uma nota de 1 a 5 para o desempenho de 13 governadores pré-selecionados, considerando que 1 seria a pior avaliação e 5, a melhor. A média ponderada das respostas indicou 3,6 para Flávio Dino, e 3,5 para Rui Costa, o segundo mais bem avaliado. Wellington Dias ficou na terceira posição, com 3,4.
Nessa segunda onda de pesquisa de 2019, o Painel ouviu deputados e senadores de diferentes partidos e regiões. Entre os entrevistados, 56,7% são da base do governo na Câmara ou no Senado, 30% são de oposição e 13,3% são independentes. A amostragem é composta por 72% de deputados e 28% de senadores.
Apenas 30% dos entrevistados são dos seis partidos declaradamente de oposição: PT, PSB, PDT, Psol, PCdoB e Rede.
*Com informações do Congresso em Foco\ Portalaz
Clique aqui e veja o ranking

quinta-feira, 11 de julho de 2019

Samarone nega reconciliação com Mão Santa: "Não sabemos quem manda"

O vice-prefeito de Parnaíba, Marcos Samarone (Patriota), afirmou ao blog Primeira Mão que não tem chance de voltar à aliança política com o prefeito Mão Santa por que, segundo ele, “não tem como participar de uma gestão que você não sabe quem é que manda”: 
“Lá existe um governo que é uma usurpação consensual. Você não sabe quem quem é o gestor, os secretários não tem a mínima autonomia porque tem que falar com uma terceira pessoa, que não vou mencionar o nome, que faz menção à padroeira de nossa cidade”, argumentou Samarone.
 Detalhe: a padroeira de Parnaíba é Nossa Senhora da Graça. A filha de Mão Santa e secretaria de Infraestrutura se chama Gracinha Moraes Souza.
Savia Barreto

segunda-feira, 8 de julho de 2019

Assai Atacadista oferece 200 vagas para nova loja em Parnaíba

O Assai Atacadista está chegando como uma nova loja na cidade de Parnaíba. Serão abertas 200 vagas de emprego inicialmente para o estabelecimento. Há vagas para PcD`s (Pessoa com Deficiência). 
O Assaí é um dos mais tradicionais atacadistas do Brasil e está presente em diversos estados brasileiros. 
A empresa está buscando profissionais comprometidos com a satisfação dos clientes e com o crescimento da empresa, que gostam de aprender e queiram evoluir. Se você tem esse perfil, cadastre seu currículo em nosso Banco de Talentos.
Também temos vagas para PcD`s (Pessoa com Deficiência).
Data de abertura das vagas
02/07/2019
Data limite para inscrição:
02/08/2019 
Nível hierárquico: Operacional 
Descrição da oportunidade
Vagas para a nova Loja do Assaí Atacadista em Parnaíba:
- Chefes de Seção
- Assistente de TI
- Auxiliar de RH
- Operador de Loja (Repositor)
- Operador de Caixa
- Empacotador
- Cartazista
- Auxiliar de Cozinha
- Nutricionista
- Cozinheiro
- Atendente de Cafeteria
- Fiscal de Prevenção
- Auxiliar de Depósito
- Conferente
- Operador de Empilhadeira
- Atendente de Vendas (Produtos Financeiros)
Competências e habilidades desejadas
- Proativo
- Dinâmico
- Boa Comunicação e Relacionamento Interpessoal
- Foco em resultados
- Comprometido
- Resiliente
- Flexível
- Enérgico
- Facilidade de trabalhar em equipe
- Agilidade 
Quantidade de horas: 220 
Formação mínima
Ensino Médio Completo

Cidade | Parnaíba | Ponto de referência
Rodovia BR 343, nº 3.775, Piauí

Contato na empresa para atendimento ao interessado: Luana Conceição da Silva Medeiros. 
J.da Parnaíba